Alterações climáticas: MSF assume compromisso de reduzir as emissões de carbono em 50%

A emergência climática é uma ameaça para o futuro do nosso planeta e para a saúde e bem-estar das pessoas em todo o mundo. As comunidades que assistimos já estão a sofrer as consequências das alterações climáticas, e sabemos que as crises de saúde e humanitárias irão aumentar em escala e gravidade à medida que a crise climática acelerar.

Na Médicos Sem Fronteiras estamos a adaptar a maneira como trabalhamos para reduzir a nossa pegada ecológica. Reconhecendo a nossa própria contribuição para o problema global das emissões de carbono, comprometemo-nos a reduzir as nossas emissões de CO2 em pelo menos 50% até 2030.

Não será fácil, dado o tamanho da nossa organização e o tipo de trabalho que fazemos, mas estamos determinados a chegar lá. Salvar vidas será sempre a nossa primeira prioridade.

Partilhar
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on print

Relacionados